sexta-feira, abril 30, 2010

Reportagem da Correio TV

video
Video da autoria da Correio TV

1º Aniversário do Lar Residencial da CERCIFAF

Cabe-nos a nós, CERCIFAF, agradecer a todos aqueles que colaboraram na concretização de um sonho vinculado a uma nova resposta social – A construção do novo Lar Residencial.
Agora, após um ano de existência, temos a responsabilidade perante todos de transmitir o quanto é feito e vivido com a maior das intensidades, amor e dedicação para com todos os jovens que usufruem deste serviço.
Diariamente existem rotinas, responsabilidades, direitos e deveres. Existe também a concordância, a discórdia, a lealdade, o afecto, a solidariedade, o lazer e o divertimento. Tudo a que uma verdadeira Família tem direito…
Para além daquelas “4 paredes” existe toda uma vida carregada de emoções, partilhadas por todos os que lá habitam, e por toda uma fantástica e empenhada equipa de trabalho que tanto luta e preza pela Qualidade de Vida dos seus “meninos” com idades compreendidas entre os 15 meses e os 48 anos.
Como forma de aprender, vivenciar e partilhar alguns dos conceitos base para a formação de todos, e que há muito os nossos jovens não tinham o prazer de vivenciar devido aos contextos em que se encontravam inseridos, tivemos o prazer e a abertura para começar a festejar aniversários com tudo a que têm direito, realizar festas como o Natal, Reis, Dia das Bruxas, Carnaval, Páscoa, entre muitas outras actividades de Desenvolvimento Pessoal e Social.
Mais uma vez, referimos que sem a colaboração da comunidade em que nos encontramos inseridos, sem os apoios de diferentes entidades públicas e sem o auxilio de todos os nossos parceiros não seria possível realizar este trabalho que diariamente dá os seus frutos.
Com a existência desta nova estrutura inserida na cidade de Fafe, todos crescemos e aprendemos a Integrar, a Aceitar e a Respeitar estes cidadãos tão especiais.
A todos o nosso MUITO OBRIGADO!

A Coordenadora do Lar Residencial
Sara Ferreira

sexta-feira, abril 09, 2010

Dia de Páscoa



No Dia de Páscoa também nos reunimos como uma família para receber e beijar a Cruz em nossa.
Estávamos todos janotas. Só faltava o nosso Moreirinha, porque não sabia da sua fatiota à Doutor.
Ah, como não podia deixar de ser também constavam na nossa mesa os tradicionais doces e o Pão de Ló.
Aleluia, aleluia...